Pare e siga, roubado

Por Abrahão Crispim Filho

© Fornecida por divulgação


Quem trafega pela BR-101, trecho norte, e para num desses “Pare e Siga” fica exposto à ação dos marginais que se aproveitam da falta de segurança para assaltar, “numa boa”. 

Essa obra, sebosa e interminável, continua sendo um péssimo exemplo do descaso com o dinheiro público. Nem mesmo a decisão da Juíza Dra. Telma Machado, que mandou liberar o trecho Pedra Branca-Maruim, foi cumprida. O DENIT só faz o que quer e do jeito que quer.


SERVIÇOSR7-PARCERIA-DEOLHONAMIDIA
Mk Designer e Layouts