PUTIN INAUGURA PONTE QUE LIGA RÚSSIA E CRIMEIA

Por Abrahão Crispim Filho

© Fornecida por divulgação


    O presidente ucraniano é um bilionário e se elegeu com apoio da direita nacionalista. Não há, portanto, nada de meritório em seu governo. Mas é óbvio que Putin está pressionando além de qualquer limite. O governo russo financia os para-militares que buscam a independência das províncias ucranianas de Luhansk e Donetsk.
E anexou a península da Crimeia.
Mas agora foi além. Construiu uma ponte entre a Rússia e a Crimeia e está impedindo que os barcos ucranianos atravessem o Estreito de Querch. Com isso, a Ucrânia fica sem poder usar o Porto de Mariupol, no Mar de Azov, que serve como principal entreposto comercial do leste da Ucrânia. Ou seja, a Ucrânia é banhada pelo Mar de Azov, mas seus barcos não podem mais chegar à região. Putin não é bobo e sabe que a Ucrânia se aproximará da OTAN em busca de ajuda. Ou seja, ele aposta no recrudescimento da situação.

SERVIÇOSR7-PARCERIA-DEOLHONAMIDIA
Mk Designer e Layouts